Software para Distribuidoras e Atacadistas

Gestão para distribuidoras e atacadistas: rapidez da negociação ao fechamento

Uma visão geral da gestão, do financeiro e de vendas para atacadistas e distribuidora

contaazul-tela-visao-geral

Controle de orçamento de vendas

Precisa de um controle de vendas integrado com o cadastro de transportadoras? O ContaAzul é um programa de controle de estoque e vendas simplificado que ajuda empresas de atacado e distribuição a ganhar tempo e agilidade na gestão. Transforme propostas em vendas e pedidos em nota fiscais em poucos cliques. Tudo integrado, com preço do frete e todas as informações de que você precisa.

contaazul-tela-de-controle-produtos-estoque-online

Agilidade no controle de estoque

Um software para distribuidora e atacadista precisa ter recursos que automatizem lançamentos e movimentações do estoque a cada compra e venda. O ContaAzul oferece agilidade e ganho de tempo ao dispensar a repetição da digitação de entradas e saídas, centralizando o inventário, análises de giro e prazo de estoque em uma única tela.

contaazul-tela-de-fornecedor-lista

Cadastro de fornecedores integrado a compras

Reúna o cadastro dos fornecedores de sua distribuidora ou atacadista em um único programa. Numa só tela você tem acesso à sua lista de fornecedores e informações como CNPJ/CPF e contato. Integrado a compras e atualizado a partir de notas de entrada, basta clicar em um fornecedor e você tem acesso ao seu perfil completo.

contaazul-tela-de-nf-e-lista-enviar-contador

Emissão de NF-e para atacadistas e distribuidoras

Emitir NF-e para vendas de mercadorias é um processo chave para sua empresa. Essa rotina precisa ser simplificada, aproveitando seu histórico de faturamento para definir impostos e alíquotas aplicados a cada produto. Ganhe tempo com o emissor do ContaAzul.

4,9 4
ContaAzul

Conseguimos nos organizar e manter em dia nosso Contas a Receber, Contas a Pagar e o fluxo de caixa está começando a ficar mais profissional.

Conecte as áreas da sua empresa

As Funcionalidades ContaAzul foram pensadas para facilitar a sua gestão, economize tempo utilizando um único sistema.

Funcionalidades ContaAzul

Perguntas frequentes

O ContaAzul tem suporte a boleto simples e registrado?

“Sim. Com o ContaAzul você recebe mais rápido com boleto bancário simples ou registrado, conforme a carteira contratada. Sua conta corrente precisa estar habilitada para gerar boletos, por meio da contratação de carteiras de cobrança. É muito importante questionar seu gerente sobre as tarifas bancárias para utilizar este serviço.
Atualmente, os bancos homologados para emissão de boletos no ContaAzul são:

Bradesco
Santander
Itaú
Banco do Brasil
Sicoob
Caixa Econômica Federal
Vale lembrar que, por decisão da Febraban (Federação Brasileira dos Bancos) a partir de 2017 será obrigatória a emissão de boletos registrados.”

São essencialmente quatro os impostos informados em uma NFS-e (Nota Fiscal de Serviço Eletrônica): ISS, PIS, Cofins e CSLL. Entenda o que é cada um deles:

ISS: O ISS (Imposto Sobre Serviço) é o imposto que incide sobre a prestação de serviços realizado por empresas e autônomos. Ele é um tributo de competência dos municípios e Distrito Federal.

PIS: O PIS (Programa de Integração Social) é um imposto federal, que incide sobre o faturamento mensal das empresas e tem como objetivo financiar o pagamento do seguro-desemprego, abono e participação na receita dos órgãos e entidades, tanto para os trabalhadores de empresas públicas, como privadas.

COFINS: O COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social) é um imposto federal que incide sobre o faturamento mensal das empresas.

CSLL:O CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido) é um tributo federal brasileiro que incide sobre o lucro líquido das empresas e é destinado ao financiamento da Seguridade Social.

A NFS-e também é usada como base para cálculo de outros tributos, ainda que não sejam informados no documento fiscal, como IRPJ e a própria alíquota do Simples Nacional, no caso das empresas optantes por esse regime de tributação.

Existem atualmente três tipos de notas fiscais eletrônicas, cada uma servindo para substituir determinados documentos:

1. NF-e: A nota de produto, chamada de NF-e foi criada para substituir as notas fiscais de modelos 1 e 1A, utilizadas nas operações de venda e prestação de serviço, que está relacionado à cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

2. NFS-e: A nota fiscal de serviço, abreviada como NFS-e, foi criada para substituir a Declaração de Serviço, documento exigido pelo município e que está relacionado à cobrança do ISS (Imposto Sobre Serviço).

3. CT-e: Empresas que transportam cargas, podem usar um terceiro tipo de nota, o CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico), que substitui diversos documentos exigidos para se fazer o transporte de carga (Modelos 7, 8, 9, 10, 11 e 27).